Internacional deslancha no segundo tempo e vence Cruzeiro no Beira-Rio

  • Depois de ser derrotado pelo Palmeiras, o Internacional se reabilitou no Campeonato Brasileiro. Jogando no Beira-Rio, neste domingo, o Colorado venceu o Cruzeiro por 3 a 1, em compromisso válido pela 4ª rodada da competição. E os três pontos foram para o Sul principalmente pelo segundo tempo. Após sofrer alguns sustos no primeiro tempo, os donos da casa tomaram conta da partida, venceram o Cruzeiro por 3 a 1 e chegaram ao segundo triunfo em casa e na competição. A Raposa, que também acumula seis pontos em quatro rodadas, ainda não sabe o que é pontuar fora de casa. Foi a segunda derrota em duas partidas fora do Mineirão.

  • Primeiro tempo

    O primeiro tempo começou movimentado. Antes dos dois minutos, o Cruzeiro saiu rápido em contra-ataque, mas Thiago Neves finalizou para fora, levando perigo a Lomba. Aos 20 minutos, a equipe de Mano Menezes assustou novamente. Pedro Rocha arrancou pela esquerda e, por pouco, Jadson não abriu o placar. Apesar das chances criadas pela Raposa, foram os donos da casa que inauguraram o marcador. Aos 31 minutos, Guerrero cobrou falta, a bola desviou na barreira, bateu na trave, e Nonato aproveitou o rebote: 1 a 0. Mas a vantagem não durou muito. Quatro minutos depois, Thiago Neves cobrou falta para Dedé empatar. O Cruzeiro esteve perto de virar, aos 38 minutos, mas TN finalizou sem força para Lomba defender em dois tempos. Fora o gol de Nonato, o Inter só levou perigo a Fábio aos 45 minutos, quando Nico López recebeu nas costas de Edilson, já na área, mas finalizou no lado de fora da rede.

    Gol do Cruzeiro! Thiago Neves cobra na área e Dedé desvia com o pé para empatar a partida, aos 35’ do 1º tempo

    Gol do Cruzeiro! Thiago Neves cobra na área e Dedé desvia com o pé para empatar a partida, aos 35’ do 1º tempo

  • Segundo tempo

    A segunda etapa começou com domínio do Inter. A primeira chance de perigo foi aos seis minutos, com Guerrero, que cabeceou para defesa firme de Fábio. Aos 10, o peruano não perdoou. Edilson errou na saída de bola, a defesa cruzeirense salvou dois arremates colorados, mas o dono da nove empurrou para as redes: 2 a 1. Aos 15 minutos, mais uma chance de perigo dos donos da casa. Cuesta faz lançamento para Nico López, que avança nas costas de Léo, toca na saída do goleiro cruzeirense e vê a bola "beijar" a trave. Mas o lance de maior perigo do Colorado foi aos 22, quando Dodô fez pênalti em Nonato, e D’Alessandro cobrou para fora. A primeira finalização do Cruzeiro foi somente aos 24, com David. Lomba não teve dificuldade para segurar. O goleirão do Inter trabalhou para valer aos 26, quando Fred finalizou mascado da pequena área e ele foi buscar no canto esquerdo. Aos 37, o Inter deu números finais ao jogo. Rafael Sóbis cobrou falta de longe, a bola explodiu no travessão e, no rebote, Moledo fez de cabeça: 3 a 1 (assista abaixo).

    Gol do Inter! Falta cobrada por Sobis explode no travessão e, na sobra, Rodrigo Moledo cabeceia para marcar, aos 37’ do 2ºT

    Gol do Inter! Falta cobrada por Sobis explode no travessão e, na sobra, Rodrigo Moledo cabeceia para marcar, aos 37’ do 2ºT

  • Atuações
  • Central do Apito

    O árbitro Rafael Klauss não teve muito trabalho no jogo, e o VAR não precisou interferir em lances capitais. No entanto, na Central do Apito, do SporTV, o ex-árbitro Paulo César de Oliveira afirmou que, se estivesse no comando da arbitragem de vídeo, aconselharia Klauss a analisar o lance de gol do Cruzeiro. A possível irregularidade seria na posição de Fred, que pulou próximo a Dedé, autor do gol (assista abaixo).

    Na Central do Apito, Paulo César de Oliveira analisa os dois gols da partida entre Inter e Cruzeiro

    Na Central do Apito, Paulo César de Oliveira analisa os dois gols da partida entre Inter e Cruzeiro

  • 700 vezes Fred

    Apesar da derrota por 3 a 1, o jogo foi marcante para Fred. Neste domingo, ele disputou a partida de número 700 como profissional. O atacante, de 35 anos, acumula passagens por América-MG, Lyon-FRA, Fluminense, Atlético-MG e seleção brasileira e já marcou 385 gols. Foi substituído por Sassá aos 33 minutos.

Rate this item
(0 votes)

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.

Notícias Recentes

CURTA NOSSA PÁGINA

Imagens Notícias

Cenas fortes!! Três detentos são mortos durante briga de facções em presídio (Veja vídeo)

Manifestação contra cortes na educação reúne milhares, em Goiânia Segundo organizadores do evento cerca de 25 mil pessoas participaram do ato.

Goiânia tem árvores com pelo menos 80 anos e 300 espécies nativas e exóticas

Comissão do Senado aprova que presos paguem por gastos na prisão

Após faltar duas vezes, policial civil acusado de matar a mulher enfrenta júri popular em Goiânia

Ronaldo Caiado já tem "plano B" para recuperação econômica de Goiás

“Negligência da CPP matou meu marido”, diz esposa de detento morto com tuberculose

Moro afirma que não há acordo para assumir cadeira no STF

Pescador encontra cadáver boiando em represa de Goianésia