Pescador encontra cadáver boiando em represa de Goianésia

Um homem que pescava em uma represa de Goianésia, município a 175 quilômetros de Goiânia, acabou encontrando, infelizmente, outra coisa maior e mais chocante além de peixes no início da manhã do último domingo (12/5). O homem, que estaria no local arrumando iscas para a pescaria acabou se deparando com um corpo já em estado de decomposição boiando na água.

Conforme informações adiantadas por um veículo da região, o corpo foi encontrado na Chácara do Carucho, região sul da cidade. O pescador, que estava arrancando minhocas no local, acionou o Corpo de Bombeiros ao fazer a descoberta do cadáver. A corporação, por sua vez, amarrou o corpo junto à margem e acionou a Polícia Civil, que ligou para a Polícia Técnico-Científica para que uma perícia fosse realizada.

Posteriormente, o corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) que fará exames no intuito de descobrir a causa morte. Entretanto, tudo indica que a morte tenha sido provocada por afogamento.

 

Ainda segundo o jornal local, o IML fará ainda exames cadavéricos no sentido de identificar a vítima, uma vez que nestes casos, como o corpo já estava em avançado estado de decomposição, apenas o reconhecimento de supostos familiares não é o suficiente. Ainda há a informação de que existe um morador da região que está desaparecido desde a noite de quarta-feira (8/5).

O jornal conta também que familiares desta suposta vítima estiveram no local alegando ser o desaparecido, no entanto, a real identificação da vítima só acontecerá após a realização dos exames.

Autoridades já possuem hipótese sobre a identidade de cadáver encontrado em represa de Goianésia

A primeira hipótese sobre a identidade do corpo encontrado é que este trata-se de José Lino Rodrigues, de 47 anos, morador da Rua 27 Sul, Bairro Eurípides Barsanulfo. A última vez que ele foi visto teria sido na quarta-feira no período noturno. Porém, nem a Polícia Técnico-Científica e nem o IML confirmaram sua real identificação. O corpo deverá passar por exames de Papiloscopia, ou até mesmo de DNA, caso não haja a identificação na primeira opção.

Rate this item
(0 votes)

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.

Notícias Recentes

CURTA NOSSA PÁGINA

Imagens Notícias

Cenas fortes!! Três detentos são mortos durante briga de facções em presídio (Veja vídeo)

Manifestação contra cortes na educação reúne milhares, em Goiânia Segundo organizadores do evento cerca de 25 mil pessoas participaram do ato.

Goiânia tem árvores com pelo menos 80 anos e 300 espécies nativas e exóticas

Comissão do Senado aprova que presos paguem por gastos na prisão

Após faltar duas vezes, policial civil acusado de matar a mulher enfrenta júri popular em Goiânia

Ronaldo Caiado já tem "plano B" para recuperação econômica de Goiás

“Negligência da CPP matou meu marido”, diz esposa de detento morto com tuberculose

Moro afirma que não há acordo para assumir cadeira no STF

Pescador encontra cadáver boiando em represa de Goianésia