Irmãos são presos suspeitos de matar o cunhado em Senador Canedo

Os irmãos Adenilton Pereira de Souza e Milton Pereira de Souza, foram presos em flagrante na tarde desta segunda-feira (22/4) suspeitos de matarem a pauladas e facadas o cunhado Clauberson Lima dos Santos, de 31 anos, na Vila Rosa, em Senador Canedo, região metropolitana da capital.

Dia Online conversou com o Tenente Fernando do 27º Batalhão da Polícia Militar (BPM) que deu mais detalhes sobre a ocorrência e a prisão dos dois suspeitos. “Nós fomos acionados para atender a ocorrência na tarde de hoje, ao chegar ao local, a história que a mulher da vítima conta é que teve uma discussão com o marido e que ele a agrediu, nisso ela ligou para os irmãos que foram a residência tirar satisfação com Clauberson”, explica o militar.

Segundo o relato da testemunha e dos irmãos, ao chegar a casa onde a vítima morava com a esposa para tirar satisfação, eles começaram a discutir. “Em determinado momento um dos irmãos durante a discussão deu uma paulada no cunhado, o outro por sua vez esfaqueou a vítima”, conta o Tenente.

 

A Polícia afirmou que Clauberson chegou a ser socorrido logo após as agressões e no caminho para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade não resistiu aos ferimentos e morreu, pois a facada atingiu o coração da vítima.

Suspeito de matar o cunhado foram presos um em sua residência e outro na rua

Segundo o Tenente Fernando, após a equipe policial tomar conhecimento do crime, os policiais levantaram as características dos dois suspeitos de matar Clauberson. “Nós levantamos como os dois suspeitos seriam inicialmente e em posse das características físicas dos dois conseguimos efetuar a prisão de um deles em sua residência”, explica.

Conforme o Militar, após a prisão de um dos suspeitos, e na busca pelo segundo irmão envolvido no caso, o mesmo foi preso no caminho para a delegacia. Os dois irmão segundo a polícia não tem passagens pela polícia.

A polícia afirmou ainda que Clauberson Lima do Santos tinha um mandado de prisão em aberto contra ele da Justiça do Pará, mas não soube precisar sobre qual crime. O caso vai ser investigado pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Senador Canedo.

O DIA ONLAINE 

Rate this item
(0 votes)

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.

Notícias Recentes

CURTA NOSSA PÁGINA

Imagens Notícias

Cenas fortes!! Três detentos são mortos durante briga de facções em presídio (Veja vídeo)

Manifestação contra cortes na educação reúne milhares, em Goiânia Segundo organizadores do evento cerca de 25 mil pessoas participaram do ato.

Goiânia tem árvores com pelo menos 80 anos e 300 espécies nativas e exóticas

Comissão do Senado aprova que presos paguem por gastos na prisão

Após faltar duas vezes, policial civil acusado de matar a mulher enfrenta júri popular em Goiânia

Ronaldo Caiado já tem "plano B" para recuperação econômica de Goiás

“Negligência da CPP matou meu marido”, diz esposa de detento morto com tuberculose

Moro afirma que não há acordo para assumir cadeira no STF

Pescador encontra cadáver boiando em represa de Goianésia